Jesus sobe e a segunda vinda é anunciada

At 1.10-11         27/11/2022         53 minutos

Pregação por Pr. Mauro Clark

headset Ouça
cloud_download Baixe
print Imprima
pregação close Jesus sobe e a segunda vinda é anunciada
volume_upReproduzindo o áudio na barra inferior

Enquanto Jesus subia, os discípulos olhavam para cima.

Mais do que impressionados com a subida sobrenatural, eles deveriam estar saudosos e imaginando quando O veriam de novo.

Talvez alguns até achassem que em breve a nuvem se dissolveria e Jesus continuasse com eles, como na Transfiguração.

Mas, em vez disso, dois anjos aparecem e se colocam no meio deles.

Fazem uma pergunta e uma afirmação.

 

Pergunta: Por que estais olhando para as alturas?

Para quem pareciam estar precisando de consolo, parece uma dura pergunta – e talvez fosse mesmo! Alguns estudiosos chegam a chegar que era uma repreensão.

Pelo que? Por estarem se demorando ali, em vez de irem fazer o que lhes fora mandado.

Parece que às vezes, achamos que precisamos de consolo e o que necessitamos mesmo é de uma boa advertência!

 

Seja como for, a pergunta era uma forma de dizer que terminara aquela fase em que eles tinham a companhia de Jesus.

Ele não mais estaria fisicamente com eles, como antes.

Em lugar dele estaria o Espírito Santo: Jo 16.4-7

Uma nova fase estava começando: o testemunho deles até os confins da terra.

Faltava apenas aguardar em Jerusalém a promessa do Pai: a remessa Espírito Santo (que ocorreria em 10 dias).

 

Afirmação:

Esse Jesus que dentre vós foi assunto ao céu virá do modo como o vistes subir.

Desdobrando essa fantástica revelação:

Esse Jesus...

Estavam falando precisamente de Jesus de Nazaré, que era o Messias.

Gnósticos: alguns achavam que o Logos divino (o Crísto) se apossara de Jesus no batismo e o abandonara logo antes morte. Então, o Jesus que morreu na cruz foi um homem absolutamente comum, sem nada de divino.

 

Pois aquele mesmo Jesus que morreu, ressuscitou e agora foi para o céu.

Ele não desaparecera, nem desintegrara.

 

Apesar de Jesus ter dito que voltaria ao Pai, era importante para os discípulos ouvirem taxativamente dos anjos onde Jesus estava.

Além de ser a doutrina correta, isso daria a eles confiança.

 

... dentre vós... assunto ao céu: até há pouco tempo com eles. agora estava... no céu!

Se tivesse dito “... dentre vós, está em Jericó”, seria mais fácil de compreender.

Imaginar alguém no céu é muito mais difícil para a mente humana, parece muito remoto.

Mas o céu é tão realidade quanto qualquer lugar na terra!

A esfera de existência é diferente, mas do jeito que Jesus chegou lá num instante, quando um crente morre também chega lá num instante!

Alguém pode estar conosco e, de repente, já estar lá!

Nesse sentido o céu está mais perto de nós do que Parangaba!

Como é bom sabermos que estamos tão perto de Cristo!

 

... assim virá...: refere-se à 2a. vinda de Cristo.

Falam que na Bíblia há mais passagens sobre a 2ª. do que sobre a 1ª vinda de Cristo.

Basta um pouco de lógica para concluir: se veio a 1ª. vez, então virá a segunda!

Além da lógica:

Ele próprio falou: Jo 14.1-3

Paulo falou: Fp 3 . 20

Tiago falou: Tg 5 .7-8

Pedro falou, respondendo à pergunta dos céticos (2Pe 3-4a): v. 10

Jogo falou: Ap 1.7

 

“'Ah. mas será uma vinda espiritual, através do Espírito Santo na vida dos crentes!” NÃO!

... do modo como o vistes subir...

“Do modo”, como? Em pessoa, fisicamente.

Do jeito que subiu fisicamente, voltaria fisicamente.

E mais: até o local que voltará será o mesmo de onde partiu: Zc 14.4

 

Quando falar de Cristo para alguém, pergunte se ele crê na 2a. vinda de Cristo.

Diga que não é algo incerto, meio vago e que pouco altera a vida dele.

É um fato certo, no futuro, e que alterará a vida de todo ser humano.

 

Três características sobre a 2a. vinda de Cristo:

* Será em duas etapas: arrebatamento, nas nuvens e volta pessoal, visível: Ap 1.7

*  Ele virá não mais como servo sofredor, mas como Rei e para reinar: Ap 20.6

* Virá não mais para ser julgado, mas para julgar: 2Ts 1.7-10

 

E quando será isso? Ninguém sabe: Mt 24 . 36

 

Quanto a nós, crentes, exatamente como os discípulos naquele dia, devemos nos sentir seguros e confiantes e nunca longe de Cristo.

Enquanto isso, tratemos de fazer o que Ele nos ordenou: testemunhar – nós aqui e Ele, lá, para onde subiu com o fim de encher todas as coisas: Ef 4.8

 

Que Deus nos abençoe. Amém

Igreja Batista Luz do Mundo © 2008-2023
R. A, nº 53, Bairro de Lourdes (Dunas), Fortaleza - CE
E-mail: contato@luzdomundo.org.br
Telefone: (85) 98740-4743
close
Igreja Batista Luz do Mundo © 2008-2023 - www.luzdomundo.org
R. A, nº 53 - De Lourdes, Fortaleza - CE